Coyote vs Acme está oficialmente cancelado: a Warner recusa ofertas da Amazon, Netflix, etc


Coyote vs Acme está oficialmente canceladoSegundo consta, David Zaslav, diretor do estúdio, nem sequer teve tempo para ver o filme antes de interromper a sua exibição.

De acordo com o The Wrap, o projeto Coyote vs Acme parece estar a ficar sem perspetivas de chegar à meta.

Apesar de uma série de projeções privadas e de excelentes críticas, a longa-metragem de Dave Green não parece ter encontrado um anfitrião à altura da corrida frenética. A Warner Bros pretendia obter 75-80 milhões de dólares para que o filme fosse distribuído por outro estúdio, que reembolsaria o custo total da produção. Em novembro, soubemos que várias grandes firmas de Hollywood estavam no meio de uma "guerra de licitações" para assumir o projeto, mas o artigo é categórico: a Warner terá finalmente rejeitado as ofertas da Netflix, da Amazon e da Paramount, recusando-se a deixá-las contrapropor.

A Netflix disse que estava interessada, mas "por menos de metade do custo de produção de 70 milhões de dólares", o que levou o estúdio a retirar-se do processo de concurso, de acordo com os pormenores. A Sony e a Apple também mostraram interesse em distribuir este projeto meio live-action, meio animado, antes de retirarem a sua oferta. Simultaneamente, a Paramount e a Amazon ofereceram montantes substanciais, mas estes "não eram suficientemente elevados" para o estúdio original.

O The Wrap cita então fontes que sugerem que os executivos da Warner nunca tiveram qualquer intenção real de vender Coyote vs Acme. O relatório afirma que o diretor executivo da Warner, David Zaslav, nem sequer se deu ao trabalho de ver o filme.

De acordo com alguns relatos, a Warner vai receber uma dedução fiscal de 30 milhões de dólares por ter arquivado Coyote vs Acme. O filme saiu-se muito bem nos testes. Foi exibido há vários meses para um público limitado e recebeu 95% de críticas muito positivas, com menções de "Muito Bom" ou "Excelente", o que raramente acontece.

90 dias depois, apesar da participação de John Cena e da omnipresença do hashtag #SaveCoyoteVsAcme, o projeto chegou ao fim do seu caminho. A menos que um estúdio apareça com uma oferta milagrosa - até lá, o Coyote permanecerá no deserto...

Partilhar:
por: bonsai - 09-02-2024

Já segues o DigiCartaz ?


Acompanha as últimas notícias e conteúdos do mundo do entretenimento nas redes sociais. Podes seguir-nos no Facebook, Reddit, Instagram como também trailers no nosso canal de Youtube.

Comentários dos leitores: 0
Escrever comentário
Ainda não existem comentários.